Exposição De Olho na Rua – Aprendizados de mídia e participação

Confira a programação completa:
www.cecip.org.br/site/deolhonaruaprogramação

Você está no olho da rua! E isso não é ruim, não é um anúncio de demissão. Ao contrário, é muito bom, porque o olho da rua é formado pelos nossos muitos olhos: é no espaço público que nos enxergamos e ultrapassamos as fronteiras da vida individual e familiar, captando e interpretando realidades coletivas, para poder transformá-las. É no olho da rua que se faz a democracia real, essa utopia que queremos conquistar no Brasil.

No olho da rua, estamos também de olho na rua: a batalha para ampliar a cidadania se dá na comunicação popular que constrói visões alternativas para a cidade e o país.

Desde a redemocratização, a trajetória do Centro de Criação de Imagem Popular (CECIP) confunde-se com a história da comunicação popular no Brasil. Já em 1986, a TV Maxambomba começava a agitar as praças da Baixada Fluminense, projetando  em um telão sobre uma kombi vídeos produzidos com os moradores e abrindo as câmeras para que seus conteúdos fossem por eles discutidos na hora.

Quase 30 anos depois, o desafio continua: como educação, tecnologia e comunicação podem caminhar juntos para o avanço de uma cultura democrática?

A exposição De Olho na Rua – aprendizados de mídia e participação convida educadores, jovens e crianças para conhecer e experimentar vivências coletivas, na Casa da Ciência da UFRJ, de 15 de agosto a 28 de setembro de 2014. A exposição integra o Programa de Fomento à Cultura Carioca, com patrocínio da Secretaria Municipal de Cultura – SMC.

Neste espaço, pode-se perguntar:

Quem manda em quem?
Quem escuta quem?
A violência é inevitável?
Direitos são para valer?
O que as pessoas precisam saber para viver melhor?
Quando a tua ação transforma?
O que se esconde atrás da propaganda?
Mobilizar-se para quê?
O que você faria, se essa rua fosse sua?

Diferentes produções do CECIP ao longo do tempo, em diversas mídias, formatos e temas, alimentam esse espírito questionador e atiçam a curiosidade. Conheça as experiências de rua, como a TV Maxambomba, que vai estacionar sua kombi na Casa da Ciência, onde você poderá se ver, ser visto, entrevistar e ser entrevistado no meio da praça.

A exposição também oferece atividades paralelas, que ajudam na construção coletiva do conhecimento:

Rodas de conversa convidam especialistas, educadores e jovens para debater temas como comunicação popular, participação da juventude, cultura de paz, o cinema de Eduardo Coutinho (um dos fundadores do CECIP) e o potencial revolucionário do humor (a partir dos cartuns de Claudius).

Filmes de EduardoCoutinho em exibições especiais, e o novo documentário Apartamento 608, dirigido por  Beth Formaggini sobre ele.

Sessões de vídeos com produções históricas da TV Maxambomba, criações de jovens em diferentes contextos e linguagens e exemplos do trabalho de outras TVs comunitárias e projetos sociais: Cipó (Salvador), AIC (Belo Horizonte), Auçuba (Recife), TV Mocoronga (Santarém), Bem TV (Niterói), TV Tagarela (Rocinha), Oi Kabum!, Praça do Conhecimento e TV Pinel (Rio de Janeiro).

Oficinas com crianças, jovens e educadores propiciam momentos de livre expressão e exploração de temas e formatos ligados à educação, arte e tecnologia. 

Participar da exposição De Olho na Rua é vivenciar o que já foi feito, para construir soluções que levem ao fortalecimento da democracia e da cidadania no Brasil. É adquirir um novo olhar, para ficar de olho vivo no que é preciso fazer aqui e agora, porque o futuro é consequência do que fazemos no presente.

ENTRADA FRANCA

Exposição De Olho na Rua – aprendizados de mídia e participação

15 de agosto a 28 de setembro de 2014

Local: Casa da Ciência da UFRJ
Rua Lauro Müller, 3 – Botafogo, Rio de Janeiro
Entrada Franca
Dias e horários:
terça a sexta – 9 às 20h
sábados, domingos e feriados – 10 às 20h
fechada às segundas

Escolas e grupos: agendamento antecipado pelo tel.: (21) 2542-7494

Comentários